O que é Medicina Intervencionista da Dor?

Você sofre com aquela dor chata que parece nunca ir embora? Já experimentou vários tratamentos, mas o alívio continua distante? Se esse for o seu caso, a Medicina Intervencionista da Dor pode ser a sua grande aliada!

Diferente do que o nome sugere, essa especialidade médica não é nada agressiva. Pelo contrário, ela utiliza técnicas minimamente invasivas para diagnosticar e tratar a dor crônica. O objetivo principal é simples: melhorar a qualidade de vida dos pacientes que convivem com dores persistentes.

Como funciona a Medicina Intervencionista da Dor?

Imagine poder lidar com a dor de forma precisa, sem precisar de cirurgias ou remédios pesados. É basicamente isso que a Medicina Intervencionista oferece. Através de técnicas como:

  • Bloqueios de nervos: injeções de anestésicos ou anti-inflamatórios em pontos específicos do corpo para bloquear a dor.
  • Radiofrequência: aplicação de calor por radiofrequência para “desligar” os nervos que transmitem a dor.
  • Injeções epidurais: injeção de medicamentos na coluna vertebral para aliviar dores nas costas e pernas.
  • Terapia de neuromodulação: implante de dispositivos elétricos para estimular os nervos e reduzir a dor.


  • Esses procedimentos são rápidos, seguros e possibilitam uma recuperação acelerada.

    Para quem é indicada a Medicina Intervencionista da Dor?

Se você enfrenta dores crônicas que não respondem a outros tratamentos, essa especialidade pode te ajudar. Alguns exemplos de condições tratadas são:

  • Dor nas costas e pescoço;
  • Dor neuropática (queimação, formigamento);
  • Dor articular;
  • Dor pélvica;
  • Enxaqueca crônica;
  • Síndrome do túnel do carpo.


Viva sem dor!

A dor crônica não precisa ser uma sentença de vida. A Medicina Intervencionista da Dor oferece um caminho para o alívio e a retomada da sua qualidade de vida. Converse com o seu médico para saber se esse tipo de tratamento é indicado para o seu caso.

Sobre o Dr. Marco Nihi

Médico especializado  no alívio da dor e na melhoria da qualidade de vida das pessoas. Formado pela Faculdade Evangélica Mackenzie do Paraná e Neurologista pelo Instituto de Neurologia de Curitiba (INC) e Pós-graduado em Dor pelo Hospital Albert Einstein. Atualmente, também é Coordenador da Residência Médica de Neurologia no Instituto de Neurologia de Curitiba (INC) e Neurologista da Clínica CINDOR (Centro Interdisciplinar do Tratamento da Dor).

Compartilhe

Veja também

Leia os artigos mais recentes sobre cirurgia plástica e cuidados estéticos.

plugins premium WordPress